CUMPRA AS REGRAS NO USO DE MAQUINARIA.

Para mais informações ligue — 808 200 520

CONDIÇÕES DE SEGURANÇA

Cumpra as regras de utilização de máquinas.
Evite coimas até 60.000 Euros.
  • Verifique a instalação elétrica e os tubos condutores de gasóleo e óleo, certificando-se que não há fugas e que estes não roçam noutros componentes.
  • Verifique o radiador e arrefecedor de óleo. Mantenha-os limpos para não ultrapassarem a temperatura correta.
  • Evite a acumulação de poeiras e outros resíduos inflamáveis sobre as componentes das máquinas sobreaquecidas como, por exemplo, as correias.
  • Evite o contacto das ferramentas de corte – como facas, correntes dos corta-matos das motorroçadoras, entre outras – com pedras e arames.
  • Faça o abastecimento de combustível com a máquina desligada, a frio e fora de locais muito inflamáveis.
  • Verifique se os reservatórios de combustível são os apropriados, se têm tampões de segurança e se estão guardados à sombra.

Pela segurança do seu trabalho e de todos

Muitos incêndios têm origem em trabalhos com máquinas e equipamentos agrícolas ou florestais.

Cumpra as normas e restrições em vigor.

Durante o período crítico, em todos os trabalhos que recorram a máquinas de combustão interna e externa (tratores, máquinas e veículos de transporte pessados) é obrigatório:

  • O uso de dispositivos de retenção de faíscas (rede de malha apertada).
  • O uso de dispositivos tapa-chamas nos tubos de escape e chaminés.
  • Ter 1 extintor de 6 kg (veículo ou máquina inferior a 10 toneladas) ou 2 extintores de 6 kg (veículo ou máquina superior a 10 toneladas).
Pela segurança do seu trabalho e de todos.
Nos dias de risco de incêndio máximo é proibido trabalhar com motorroçadoras (excepto se possuírem fio de nylon), corta-matos e destroçadores. Evite o uso de grades de discos.

Evite trabalhar nos dias com temperaturas elevadas bem como durante as horas de maior calor.

ESTEJA ATENTO

Em situações potencialmente perigosas, tais como durante a noite, operações de elevado grau de dificuldade ou em locais isolados e desabitados, trabalhe acompanhado.

  • Descanse e beba água regularmente de modo a evitar situações de fadiga. Não consuma bebidas alcoólicas.
  • Leve consigo um telemóvel com a lista de contactos de emergência.
  • Antes de iniciar os trabalhos, faça um reconhecimento do local de modo a que saiba referenciá-lo em caso de acidente.
  • Mantenha-se atento ao trabalhar com máquinas.
Esteja atento.

O QUE FAZER EM CASO DE INCÊNDIO

  • Pare o motor e desligue logo o interruptor geral.
  • Tente apagar o fogo com extintor evitando que este se alastre.
  • Caso não consiga apagar, LIGUE 112 e dê indicações precisas do local.
  • Mantenha-se em local seguro.
O que fazer em caso de incêndio.

Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, I.P.
Gabinete Técnico Florestal do seu Município (GTF)
Organização de Produtores Florestais da sua região (OPF)

PERÍODO CRÍTICO - De 1 de julho a 30 de Setembro
(podendo alterar-se em função das condições meteorológicas de cada ano)

RISCO DE INCÊNDIO - Consulte o risco de incêndio diário do seu Conselho junto da sua Câmara Municipal ou no site do IPMA ou ICNF

www.icnf.pt

Para mais informações ligue
808 200 520
CUSTO DE CHAMADA LOCAL